Otoplastia

Depilação a laser

Otoplastia

A orelha é uma das partes do corpo humano que poderá trazer o estigma familiar:

“O filho tem a orelha do pai”!

Muitas vezes, a orelha em abano, defeito estético mais comum, é encontrada em vários membros da família e constitui uma identificação negativa, principalmente pelo fato de gerar deboche na infância, trazendo como consequência marcas profundas no comportamento da criança.

Deformidade popularmente conhecida como  “orelha em abano”, é também denominada de “prominauris”. Resulta principalmente da combinação de dois defeitos: apagamento da ante-hélice e aumento (hipertrofia) da concha auricular.

Também pode estar associada a um ângulo escafo-conchal maior do que 90°. Não é raro encontrarmos variações no grau de proeminência de um lado para o outro e de variações no tipo de deformidade.

É importante que o cirurgião seja capaz de identificar e analisar as particularidades da deformidade para estabelecer o melhor plano de tratamento cirúrgico baseado nas múltiplas opções de técnicas disponíveis.

A escolha do momento ideal para a cirurgia é em torno de 6 a 7 anos (idade pré-escolar), período em que a orelha já está totalmente formada e quase igual ao tamanho daquela do adulto.

Além do mais, por se tratar de um período pré-escolar, nessa fase começam os problemas de ordem psicológica.

Os objetivos da otoplastia são reposicionar a orelha de forma natural, sem estigmas, criando os seus relevos e sem cicatrizes evidentes.

Normalmente as seguintes perguntas são feitas por ocasião da 1ª consulta:

0l) A CIRURGIA DA ORELHA EM ABANO DEIXA CICATRIZES?

A cicatriz desta cirurgia é  imperceptível, por localizar-se atrás da orelha, no sulco formado por esta e o crânio. Além do mais, como se trata de região de pele muito fina, a própria cicatriz tende a ficar “quase inaparente”.

02) QUAL O TIPO DE ANESTESIA?

Anestesia local com sedação

 

03) QUAL O PERÍODO DE INTERNAÇÃO?

24 HORAS no mínimo ou ²day clinic².

 

04) QUANTO TEMPO DEMORA O ATO ClRÚRGICO?

Geralmente em torno de 2 HORAS (bilateral), ou  UMA hora (unilateral).

 

05) HÁ PERIGO NESTA OPERAÇÃO?

Todo procedimento cirúrgico tem riscos, no caso deste procedimento podemos citar os riscos de reações alérgicas ao anestésico, ao antibiótico, entre outros.

 

06) HÁ DOR NO PÓS-OPERATÓRIO?

Geralmente sim, mas de pequena a moderada intensidade. Quando houver dor, poderemos combatê-la com analgésicos comuns.

 

07) COMO É O CURATIVO?

Utilizamos faixa elástica por um período de 30 dias.

 

08) QUANDO SÃO RETIRADOS OS PONTOS?

Em torno do 15 dias.

 

09) EM QUANTO TEMPO SE ATINGIRÁ O RESULTADO DEFINITIVO?

Assim que se retira o curativo já teremos em torno de 80. % do resultado almejado. Após 2 meses, o resultado será definitivo.

 

10) NÃO HÁ O RISCO DE “VOLTAR O PROBLEMA DO ABANO” APÓS A CIRURGIA?

Há possibilidade de recidiva. Convém salientar que uma leve assimetria sempre ficará, pois, mesmo as pessoas não operadas e que tenham orelhas normais, não apresentam simetria absoluta.

Cuidados antes da cirurgia de Otoplastia:

–           Não tomar mais nenhum medicamento como aspirina e derivados, ginkobiloba, anti- inflamatório pelo menos com 15 dias antes da cirurgia. Manter medicamentos de uso diário.

–           Bebidas alcoólicas devem ser abolidas pelo menos 48 horas antes da cirurgia principalmente vinhos.

–           Banho 2 dias antes da cirurgia com sabonete anti séptico a critério da paciente ( soapex )

–           Lavar cabelo com soapex 3 dias antes da cirurgia, mantendo uso de creme condicionador.

–           Providenciar exames pedidos pelo menos 20 dias antes da cirurgia.

–           Contate seu médico de qualquer intercorrência  local ou clinicas antes da cirurgia como espinha no local da face , estado gripal , mal estar ,etc

– Comunicar-se conosco até a véspera da cirurgia, em caso de gripe, infecções, espinhas na pele  etc.

– Obedecer ao horário estabelecido para internação.

– Se você tiver cabelos compridos, não deverão ser cortados e sim mantidos até um período posterior à cirurgia. Isto ajuda  disfarçar a área operada nos primeiros dias.

– Levar exames pré-operatório, medicamentos de uso diário e medicamentos solicitados pela equipe médica no dia da internação. O paciente deverá chegar para internação no horário marcado. O jejum deverá ser a partir das 22:00h do dia anterior, não podendo comer dietas sólidas, pastosa e/ou líquidas e nem ingerir água. Dieta zero.

CUIDADOS PÓS- OPERATÓRIOS:

– Evitar sol e traumatismos locais por um período de 1 mês.

– Dormir com a cabeça reta e mais elevada do que o tronco nos primeiros 7 dias.

– Seguir as orientações médicas.

– Fazer uso da faixa elástica nas orelhas 24h por dia no primeiro mês, e para dormir até 60 dias da cirurgia.